sexta-feira, 28 de novembro de 2014

Os rankings das escolas 2014


Habitualmente o jornal Público, em colaboração com uma equipa da Universidade Católica Portuguesa, constrói rankings das escolas, divulgando-os sobre uma sofisticada plataforma informática de fácil consulta. Este ano, porém, só publicam em lista o ranking geral, indicando o número de provas e a restante informação em janelas individuais, de modo que escolhemos os rankings do Expresso.

No caso do ensino básico os rankings foram construídos sobre os resultados da 1.ª fase dos exames nacionais de Português e Matemática, realizados por alunos internos. No ensino secundário foram consideradas as oito disciplinas com mais alunos inscritos — Biologia e Geologia, Física e Química, Geografia A, Filosofia, Economia A no 11º ano e Português, Matemática e História A no 12º ano.

Como é habitual nos rankings das escolas, os lugares de topo estão ocupados por escolas privadas porque nestas escolas ensina-se os alunos a cumprirem regras e os pais reservam mais tempo para acompanhar o estudo dos filhos em casa, dois factores que são determinantes no sucesso escolar das crianças e dos adolescentes.
Vamos apreciar apenas as escolas públicas onde foram feitas, pelo menos, 50 provas no ensino básico — ou seja, onde se apresentaram a exame, pelo menos, 25 alunos — e, pelo menos, 100 provas no ensino secundário, porque há exames nos 11º e 12º anos.

Desde o ano passado, passou a haver exames no final do 1º ciclo, possibilitando a construção do ranking do ensino básico 4º ano. Agora os encarregados de educação podem conhecer os resultados das escolas desde o início do percurso escolar, podendo escolher atempadamente aquela onde pretendem matricular os seus filhos.
A partir deste ranking, fizemos uma lista das 10 escolas públicas onde os alunos obtiveram melhores resultados nos exames nacionais:

19 Escola Básica n.º 1 de Santa Maria da Feira
23 Escola Básica de Igreja, Beiriz, na Póvoa de Varzim
30 Escola Básica de Barrocas, em Aveiro
31 Escola Básica de Carvalhal, em Barcelos
39 Escola Básica de São Francisco, em Alcochete
41 Escola Básica de Bonfim, na Guarda
40 Escola Básica do Desterro, na Póvoa de Varzim
45 Escola Básica do Baixo Neiva, em Esposende
46 Escola Secundária Artística do Conservatório de Música Calouste Gulbenkian, em Braga
52 Escola Básica de Igreja, Meadela, Viana do Castelo

Do top 10 do ano passado apenas se mantém a Escola Secundária Artística do Conservatório de Música Calouste Gulbenkian, em Braga.

No ranking do ensino básico 6º ano, as 10 escolas públicas do topo são:

33 Escola Secundária Artística do Conservatório de Música de Calouste Gulbenkian, em Braga
35 Escola Básica Campo Aberto, Beiriz, na Póvoa de Varzim
49 Escola Básica Eugénio de Castro, em Coimbra
53 Escola Básica Vasco da Gama, em Lisboa
67 Escola Básica João de Barros, Marzovelos, em Viseu
70 Escola Básica João Afonso, em Aveiro
76 Escola Secundária Artística de Música do Conservatório Nacional, em Lisboa
79 Conservatório de Música do Porto
88 Escola Básica e Secundária D. Filipa de Lencastre, em Lisboa
87 Escola Básica de Telheiras, em Lisboa

Oito escolas já se encontravam no top 10 do ano passado. Entraram a Escola do Conservatório Nacional e a Escola Básica de Telheiras, ambas em Lisboa.

Finalmente no ranking do ensino básico 9º ano, temos:

19 Escola Secundária Infanta D. Maria, em Coimbra
45 Escola Secundária Artística do Conservatório de Música de Calouste Gulbenkian, em Braga
46 Escola Secundária Diogo de Gouveia, em Beja
47 Escola Secundária Carlos Amarante, em Braga
50 Escola Básica do Baixo Neiva, em Esposende
54 Escola Secundária Eça de Queirós, na Póvoa de Varzim
58 Escola Secundária Garcia de Orta, no Porto
61 Escola Secundária Dr. Mário Sacramento, em Aveiro
65 Escola Básica de Fragoso, em Barcelos
64 Escola Básica e Secundária Fernão de Magalhães, em Chaves

Mantêm-se neste top 10 apenas três escolas: Escola Secundária Artística do Conservatório de Música de Calouste Gulbenkian, em Braga, a Escola Secundária Eça de Queirós, na Póvoa de Varzim, e a Escola Secundária Dr. Mário Sacramento, em Aveiro.

Passando ao ranking do ensino secundário, as 10 escolas públicas do topo são:

25 Escola Secundária de Raúl Proença, nas Caldas da Rainha
27 Escola Básica e Secundária Clara de Resende, no Porto
29 Escola Secundária do Restelo, em Lisboa
31 Escola Secundária Infanta D. Maria, em Coimbra
32 Escola Secundária José Estevão, em Aveiro
34 Escola Básica e Secundária da Batalha, na Batalha
36 Escola Secundária de José Gomes Ferreira, em Lisboa
37 Escola Secundária Aurélia de Sousa, no Porto
39 Escola Secundária da Quinta do Marquês, em Oeiras
41 Escola Básica e Secundária Fernão de Magalhães, em Chaves

Sete escolas já se encontravam no top 10 do ano passado. Entram a Escola Básica e Secundária da Batalha, a Escola Secundária Aurélia de Sousa, no Porto, e a Escola Básica e Secundária Fernão de Magalhães, em Chaves.

Contribuem com 1 escola para estas listas os seguintes municípios: Alcochete, Batalha, Beja, Caldas da Rainha, Guarda, Oeiras, Santa Maria da Feira, Viana do Castelo e Viseu. Todos situados a Norte do rio Tejo, com excepção de Alcochete e Beja.

Os municípios de Barcelos, Chaves e Esposende contribuem com 2 escolas cada um, o de Coimbra figura 3 vezes com duas escolas diferentes, os de Aveiro, Braga, Porto e Póvoa de Varzim figuram, cada um, 4 vezes, no município de Braga uma das escolas surge por três vezes, e o de Lisboa com 6.


Sem comentários:

Publicar um comentário