sexta-feira, 15 de agosto de 2014

Universidade de Lisboa entre as 300 melhores do mundo no ranking de Xangai


A Universidade de Lisboa ascendeu ao intervalo das 300 melhores universidades do mundo no Academic Ranking of World Universities 2014, categoria alcançada pela primeira vez por uma universidade portuguesa.

A Universidade do Porto mantém-se no grupo das 301-400 melhores e a Universidade de Coimbra permanece no grupo das 401-500 para onde entrou no ano passado.

Este ranking só discrimina as posições individuais das instituições até ao lugar 100. A partir daí coloca-as por intervalos, 101-150, 151-200, 201-300, 301-400 e 401-500, inscrevendo-as por ordem alfabética dentro de cada intervalo. No entanto, olhando para o gráfico seguinte conclui-se que a Universidade de Lisboa está no topo do seu grupo:









O topo da tabela continua a pertencer às mesmas dez universidades do ano passado, oito instituições dos Estados Unidos da América e duas do Reino Unido: Harvard University, Stanford University, Massachusetts Institute of Technology (MIT), University of California - Berkeley (UCB), University of Cambridge, Princeton University, California Institute of Technology (Caltech), Columbia University, University of Chicago e University of Oxford.


O Academic Ranking of World Universities (ARWU) é vulgarmente conhecido como o ranking de Xangai porque é coligido pela Shanghai Jiao Tong University, China, desde 2003.

O ranking global compara 1200 instituições de ensino superior, em todo o mundo, e escolhe as 500 melhores de acordo com a seguinte metodologia: uma fórmula onde entra o número de ex-alunos vencedores de prémios Nobel e medalhas Fields (10%), professores vencedores de prémios Nobel e medalhas Fields (20%), investigadores classificados entre os mais citados em 21 categorias de assuntos (20%), artigos publicados na Nature e na Science (20%), artigos indexados no Science Citation Index-expanded e Social Sciences Citation Index (20%) e o desempenho académico per capita (nos anteriores indicadores) de cada instituição (10%).
Devido a esta metodologia, é considerado o mais rigoroso e prestigiado ranking universitário internacional.

Entre as 500 melhores universidades, 205 europeias, 177 americanas, 113 situadas na Ásia ou Oceânia e apenas 5 africanas.

Além do ranking global, são divulgadas listas das 200 melhores universidades em determinadas áreas do conhecimento, discriminando as 50 do topo.
Na área Engenharia/Tecnologia e Ciências da Computação, a Universidade de Lisboa surge no grupo 76-100, seguindo-se a Universidade do Porto e a de Aveiro, ambas no grupo 151-200.

São também divulgadas listas das 200 melhores universidades em determinadas disciplinas, discriminando as 50 do topo.
Em Matemática, a Universidade de Lisboa aparece entre os 76.º e 100.º lugares e, em Ciências da Computação, entre os 151.º e 200.º lugares.
Em Física, a Universidade do Minho situa-se entre os 151.º e 200.º lugares.


Eis o resumo do Público do ranking de Xangai 2014:



Sem comentários:

Publicar um comentário