segunda-feira, 2 de dezembro de 2013

90º aniversário de Maria Callas


O Google, atento à cultura e à ciência, criou hoje um logotipo especial — um Doodle — para assinalar o 90º aniversário da soprano Maria Callas (1923-1977):



Percorrendo algumas representações da mais sublime cantora lírica de sempre — La Divina — recordamos a sua voz transparente, ágil e emocional.



Vincenzo Bellini, Norma
"Casta Diva" e "Ah! Bello a me ritorna" do acto I
Orchestra Sinfonica di Torino della RAI
Arturo Basile, maestro
Gravado em Turim, 8-10 de Novembro de 1949

Depois de uma audição com o maestro Arturo Toscanini, Maria Callas abriu a temporada de 1951 no Teatro alla Scala, de Milão, com I Vespri Siciliani do compositor Giuseppe Verdi, com grande sucesso. Durante os sete anos seguintes, Maria interpretou 26 óperas no mais famoso teatro de ópera do mundo onde reinou durante 160 noites.





Giuseppe Verdi, La traviata
"Ah, fors'è lui" e "Sempre libera" do acto I
Orchestra sinfonica di Torino della RAI
Gabriele Santini, maestro
1953






Giacomo Puccini, Madama Butterfly
"Un bel dì vedremo" do acto II
Orquestra e coros do Teatro alla Scala
Herbert von Karajan, maestro
EMI Classics Records, 1955


Giacomo Puccini, Tosca
Excerto do acto II
George London, barítono
Orquestra da NBC
Dimitri Mitropoulos, maestro
Nova Iorque, 1956


Vincenzo Bellini, Norma
"Casta diva" do acto I
Gabriele Santini, maestro
Orchestra sinfonica della RAI
Roma, 1957.


Maria Callas como Violetta em La traviata, 1958


Giuseppe Verdi, La Traviata
Alfredo Kraus, tenor
"Brindisi - Libiamo ne'lieti calici" do acto I
Franco Ghione, maestro
Ao vivo, Teatro de São Carlos, Lisboa, 27 de Março de 1958


Giuseppe Verdi, La traviata
Alfredo Kraus, tenor
Duo "Un dì, felice, eterea" do acto I
Franco Ghione, maestro
Ao vivo, Teatro de São Carlos, Lisboa, 27 de Março de 1958


Giuseppe Verdi, La Traviata
Alfredo Kraus, tenor
"Parigi, o cara, noi lasceremo" do acto III
Franco Ghione, maestro
Ao vivo, Teatro de São Carlos, Lisboa, 27 de Março de 1958


Giuseppe Verdi, La Traviata
Alfredo Kraus, tenor
Excerto dos actos I e III
Franco Ghione, maestro
Ao vivo, Teatro de São Carlos, Lisboa, 27 de Março de 1958


Georges Bizet, Carmen
"Habanera: L'amour Est Un Oiseau Rebelle"
Sinfonieorchester des Norddeutscher Rundfunk
Georges Prêtre, maestro
Concerto de Hamburgo, 16 de Março de 1962


Giuseppe Verdi, Don Carlo
"Tu che le vanità" do acto V
Georges Bizet, Carmen
"Habanera: L'amour Est Un Oiseau Rebelle" do acto I
"Séguedille: Près des ramparts de Séville" do acto I
Orchestra of the Royal Opera House Covent Garden
Georges Prêtre, maestro
Concerto da Royal Opera House, Covent Garden, Londres, 4 de Novembro de 1962


Giacomo Puccini, Tosca
acto II
Tito Gobbi, barítono
Carlo Felice Cillario, maestro
Direcção de Franco Zeffirelli, Royal Opera House, Covent Garden, Londres, 9 de Fevereiro de 1964


Sem comentários:

Enviar um comentário