quinta-feira, 28 de fevereiro de 2013

O adeus de Bento XVI


O papa que, em seis séculos, tomou a decisão histórica de renunciar, em vez de governar por toda a vida, partiu.

28 Fev, 2013, 18:04

Obrigado, Bento XVI, por ter pedido a resignação.
Obrigado, por não alinhar com a mentira e a hipocrisia.


Os derradeiros momentos do pontificado:


Bento XVI a atravessar a Praça de São Pedro no papamóvel, ontem, durante a última audiência geral onde confiou as suas preocupações: "Pedi insistentemente a Deus na oração que me iluminasse com a sua luz para que tomasse a decisão mais correcta."
REUTERS/Stefano Rellandini


Está entre vós o próximo Papa, ao qual prometo deferência e obediência incondicionais”, palavras de Bento XVI, hoje, na cerimónia de adeus aos cardeais, no Vaticano.
REUTERS/Osservatore Romano


"Obrigado pelo vosso amor e o vosso apoio! Possais viver sempre na alegria que se experimenta quando se põe Cristo no centro da vida." escreveu Bento XVI no Twitter, antes de partir do Vaticano, pelas 17:00, a caminho de Castel Gandolfo onde vai aguardar pela eleição do seu sucessor.
REUTERS/Alessandro Bianchi

28 Fev, 2013, 18:57
A última benção, na residência papal de Verão em Castel Gandolfo e as últimas palavras: "Boa noite, obrigado a todos”.


As imagens do Papa Bento XVI que queremos recordar:

photo
Havana, 28 de Março de 2012. A consideração e respeito mútuos de dois octogenários que lutaram, cada um de seu modo, pela melhoria de vida das pessoas.
REUTERS/Osservatore Romano

photo
Vaticano, 12 Dezembro de 2012. A enviar o primeiro tweet num iPad.
REUTERS/Osservatore Romano


Sem comentários:

Enviar um comentário